Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Produção Nacional Faz Bem

Apoiar a produção nacional nas diversas areas possibilita melhorar o nosso nível de vida, basta cada um de nós fazer a sua parte

Produção Nacional Faz Bem

Apoiar a produção nacional nas diversas areas possibilita melhorar o nosso nível de vida, basta cada um de nós fazer a sua parte

08.Jul.13

Regina lança Gomas e entra na Índia.

Gomas Regina
 
A Imperial dona de marcas como a Regina, Jubileu e Pantagruel vai apostar numa nova área de negócios no estrangeiro e fechou acordo de fornecimento com 300 supermercados na Índia.
 

Este mês começaram a ser produzidas as gomas Regina disse ao Negócios a administradora Manuela Tavares de Sousa. A maior fabricante nacional de chocolates, com sede em Vila do Conde, acaba também de "adoçar" o negócio internacional com a entrada no mercado indiano.

 

A Regina acaba de apostar numa nova área de negocio aproveitando a notoriedade da marca, as Gomas Regina estão disponíveis em sete variedades que vão ser colocadas nos mais de 40 mercados para onde exporta. Pelos menos incialmente estes novos produtos não vão ser lançadas no mercado nacional.

 

A Imperial investiu na readaptação de equipamento da atual linha de confeitaria para poder assim apostar nesta nova área de negócio. O valor do investimento não foi revelado.

 

As gomas representam a entrada da Imperial numa nova categoria de produto com foco em termos de distribuição nos mercados africano, Médio Oriente e América Latina, regiões onde as faixas etárias mais jovens (público alvo) são relevantes.

 

O mercado externo já representa 21% das vendas da Imperial, empresa do grupo RAR, que além da Regina, detém as marcas Jubileu, Pintarolas, Pantagruel, Allegro e Fantasias. A empresa espera assim um aumento das vendas nos mercados externos, os primeiros contentores de gomas devem começar a chegar a Angola, Moçambique, Madagáscar e Marrocos já no mês de Agosto, vão estes os primeiros países a receber o novo produto. A empresa não revela qual o impacto que deverá ter na sua facturação o lançamento deste produto.

 

A Imperial teve um volume de negócios em 2012 na ordem dos 24 milhões de euros, valor que deverá continuar as crescer nos próximos anos. No inicio deste ano, primeiros cinco meses as exportações cresceram 14% e as vendas no mercado interno cresceram 5%.

 

As novidades da Regina para este ano não devem ficar por aqui. 

 

informações e imagem dinheirovivo.pt e jornal de negócios

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.