Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Produção Nacional Faz Bem

Apoiar a produção nacional nas diversas areas possibilita melhorar o nosso nível de vida, basta cada um de nós fazer a sua parte

Produção Nacional Faz Bem

Apoiar a produção nacional nas diversas areas possibilita melhorar o nosso nível de vida, basta cada um de nós fazer a sua parte

23.Jul.13

Science4You com grande crescimento!!!

A Science4you vai criar 80 postos de trabalho até ao final de 2013, a maior parte dos quais para funções operacionais e lojas, mas também cerca de quatro vagas para coordenadores e duas ou três para a área comercial, avança Miguel Pina Martins, CEO da Science4you.

A empresa de brinquedos científicos, que conta actualmente com cerca de 50 colaboradores, tem ainda para preencher três a quatro vagas para os espaços comerciais que vai abrir em Madrid.

 

As inscrições já estão a decorrer e podem ser feitas ‘online' para info@science4you.pt, inclusivamente as que se dirigem aos lugares na capital espanhola.

 

"Os interessados podem começar já a enviar currículos. O grosso das contratações será feito lá para Setembro ou Outubro, mas faremos já algumas em Agosto para preparar as encomendas do Natal", adianta o CEO.

 

Actualmente, a Science4you - empresa que nasceu, em 2008, do projecto de final de curso de Miguel Pina Martins na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa  - tem sete lojas em centros comerciais na Grande Lisboa e Algarve e quer criar mais 20, por todo o país, até ao Natal.

 


A empresa - que exporta já para muitos países nos quatro cantos do mundo - tem escritórios em Madrid, há dois anos, e Londres, há cinco meses, e nos seus objectivos está chegar aos Estados Unidos, em 2014, revela Miguel Pina Martins.

Em 2012, a facturação chegava aos 1,4 milhões de euros, equivalentes a cerca de 300 mil brinquedos vendidos. Para este ano, o objectivo é mais do que duplicar o volume de negócios para três milhões de euros.

Os pais procuram muito brinquedos educativos, diz Miguel Pina Martins, justificando assim o aumento das vendas. E o preço - abaixo dos 10 euros - também é um factor importante, porque "democratizou este tipo de brinquedos".

 

in diarioeconomico.pt

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.